terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Porto, Paty e Pluma.

Há algum tempo atrás, uma voluntária levou para sua casa o Porto, Paty e Pluma para passar uns dias.

Agora ela conta-nos essa experiência.

"PT//
Porto
Porto pode parecer um grande lobo mas é muito calmo e gentil. É o menos tímido dos três (irmãos: Porto, Paty e Pluma) e não hesita em cumprimentar quem não conhece. Ele presta sempre atenção quando é chamado e adora biscoitos ou brincar com a bola.

Paty
Paty é a mais gira e mais tímida dos três (irmãos: Porto, Paty e Pluma). Cresceu num abrigo, fora do mundo exterior cheio de coisas loucas como carros, pessoas e barulhos. Por isso Paty é um pouco receosa no início mas aprende depressa e ganha confiança ao fim de algum tempo. Ela estava muito hesitante em aproximar-se do meu namorado, pois nunca o tinha conhecido antes, mas no terceiro dia ela já ia ter com ele logo de manhã pronta para dar mimos e beijinhos com o seu nariz.
Após longos passeios e comer, gosta de dormir com todas as patas no ar. É sociável com outros cães, mas prefere a companhia de cães de porte pequeno a cães de porte grande e gosta de convidar os cães para brincar. Paty é mais independente do que a irmã Pluma e adora explorar. É incrivelmente atenciosa e responde sempre quando é chamada. Ao final de 2 dias aprendeu a não fazer as necessidades dentro de casa, mesmo sem ter sido ensinada, pois seria apenas umas pequenas férias mas mesmo assim incrivelmente fez sempre tudo na rua.
Ao fim de alguns dias deixámos as duas irmãs sozinhas em casa por algumas horas e observámos pelo telemóvel o que faziam. Estavam relaxadas, dormiram e até comeram um biscoito. Quando voltámos nada estava destruído e ficaram muito felizes por estarmos todos reunidos. Paty adora estar na rua e relaxa com as pessoas em quem confia.

Pluma
Pluma nunca perde a 'sua' pessoa de vista. Quer sempre estar por perto e acompanhar-me. Mesmo sem trela, passeia junto a mim e olha para mim constantemente a verificar-me, ao meu namorada, à sua irmã, verifica se toda a gente está presente e depois pressiona o seu nariz na minha mão para verificar que tudo está ok. Ao crescer num abrigo, o mundo exterior é um mundo cheio de novidades. No exterior, PLuma fica alerta com estranhos e até fica nervosa, mas fica sempre de olho em mim e Vem ter comigo sempre que a chamo.
Ao final de 2 dias aprendeu a não fazer as necessidades dentro de casa, mesmo sem ter sido ensinada, pois seria apenas umas pequenas férias mas mesmo assim incrivelmente fez sempre tudo na rua.
Ao fim de alguns dias deixámos as duas irmãs sozinhas em casa por algumas horas e observámos pelo telemóvel o que faziam. Estavam relaxadas, dormiram e até comeram um biscoito. Quando voltámos nada estava destruído e ficaram muito felizes por estarmos todos reunidos.
Pluma é sociável com outros cães mas não mostra interesse neles. Responde sempre quando é chamada e é muito atenta. Adora estar perto das pessoas em quem confia e quando confia em alguém, cria uma grande ligação com essa pessoa. É um pouco receosa no início mas confia em alguém, segue esse pessoa sempre. Mesmo quando tem medo, se a 'sua' pessoa for, ela segue."













Sem comentários: